O que foi o episódio das Bruxas de Salem e como ele será importante em Animais Fantásticos e Onde Habitam?

Autor: Bernardo Costa

O que foi o episódio das Bruxas de Salem e como ele será importante em Animais Fantásticos e Onde Habitam?



Em 1692, na cidade de Salem, Massachusetts, ocorreu um episódio que marcaria a história da cidade para sempre. Naquele ano, a superstição, o medo e a ignorância levaram à execução de 20 pessoas, todas acusadas de bruxaria. Mais de 150 pessoas foram presas e as 'Bruxas de Salem' entraram para a história.

O ano agora é 1926. Newt Scamander chega à Nova Iorque com sua maleta cheia de criaturas mágicas e, infelizmente, algumas delas escaparam. O 'infeliz' incidente, além de colocar vidas em risco, coloca toda a comunidade bruxa norte-americana em xeque. Tudo porque o episódio de Salem não foi esquecido, tanto pelos bruxos como pelos trouxas (No-majs, caso prefira).

A sociedade bruxa vive escondida, na clandestinidade, um ambiente muito diferente da Grã-Bretanha de Potter. O medo é um dos componentes da vida mágica e é ele quem dita o comportamento bruxo nesse contexto. A segregação, por parte dos trouxas, é uma realidade comum para os norte-americanos que portam uma varinha. Tal medo e realidade muito se dão pela lembrança de Salem. Nota-se, por exemplo, a estátua em homenagem às vítimas do incidente colocada no prédio do MACUSA. A comunidade bruxa não se esqueceu de Salem. Mas por quê?

Para essa pergunta existem duas respostas. Em primeiro lugar, o episódio medieval é lembrado da mesma maneira como muitos povos relembram episódios tristes e marcantes de sua história. Os judeus lembram-se do Holocausto, os armênios lembram-se do genocídio, os japoneses lembram-se das bombas atômicas e os bruxos lembram-se de Salem. Em segundo lugar, eles lembram porque os trouxas também lembram.

No último trailer divulgado, Seraphina, a presidente do MACUSA, nos lembra de que quando os trouxas se sentem ameaçados eles atacam. Na primeira foto oficial de Credence, podemos ver cartazes com os dizeres 'NO WITCHCRAFT IN AMERICA. WE NEED A SECOND SALEM' (Sem bruxaria na América. Precisamos de um segundo Salem, em tradução livre). Já foi divulgada a existência de uma organização de fanáticos religiosos chamada 'New Salem Philanthopic Society', liderada pela personagem Mary Lou (mãe adotiva de Credence), que tem como objetivo principal a exposição e aniquilação da comunidade bruxa norte-americana. Os trouxas não se esqueceram de Salem.


Então se percebe uma divisão muito clara da sociedade americana, uma segregação singular. Quando o mundo atual vive uma de suas maiores crises, em todos os aspectos, marcada principalmente pela migração forçada e pela xenofobia sofrida pelos imigrantes, J.K. nos mostra que esse problema não é novo. Animais Fantásticos se passa no começo do séc. XX e mesmo assim, trata de problemas vistos no séc. XXI. Segregação, intolerância religiosa, a 'não aceitação' do diferente, o preconceito. Parece que Newt vai nos mostrar muito mais coisas além de seus animais fantásticos.

You Might Also Like

0 comentários

Flickr Images

Twitter